Terceira criança vítima de incêndio em residência em Parnaíba, morre no Heda

Francisca Aylla deu entrada na unidade de saúde em estado gravíssimo, e chegou a ter uma parada cardiorrespiratória, mas foi reanimada. Devido ao seu estado de saúde, ela não podia ser transferida para um hospital da capital. Ela estava há alguns dias sem apresentar qualquer reflexo neurológico, entubada e fazendo uso de ventilação mecânica e drogas vasoativas (noradrenalina e adrenalina). A menina acabou não resistindo e faleceu no início da tarde de hoje.


 Terceira criança vítima de incêndio em residência em Parnaíba, morre no Heda
some text

Morreu na tarde deste domingo (23), Francisca Aylla, de 7 anos, que foi vítima de um incêndio que atingiu a sua residência e matou seus outros dois irmãos em Parnaíba. A informação foi confirmada pelo diretor do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), Daniel Miranda.

O incêndio atingiu a residência no dia 17 de outubro em Parnaíba e causou a morte de Maria Eloá, 4 anos, e Francisco Aylan, 6 anos. Francisca Aylla foi socorrida com vida e internada em estado gravíssimo.

O diretor do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), Daniel Miranda, informou que as três crianças morreram devido à inalação da fumaça tóxica.

Francisca Aylla deu entrada na unidade de saúde em estado gravíssimo, e chegou a ter uma parada cardiorrespiratória, mas foi reanimada. Devido ao seu estado de saúde, ela não podia ser transferida para um hospital da capital. Ela estava há alguns dias sem apresentar qualquer reflexo neurológico, entubada e fazendo uso de ventilação mecânica e drogas vasoativas (noradrenalina e adrenalina). A menina acabou não resistindo e faleceu no início da tarde de hoje.

Fonte: Cidade Verde

Samuel Aguiar

Veja ainda

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Obrigado por seu contato!
Em breve nossa equipe retornará para você.