Presidência do TJ-PI recebe propostas para melhoria e celeridade nos julgamentos nas Turmas Recursais.

Atualmente são cerca de 16 mil processos tramitando.


 Presidência do TJ-PI recebe propostas para melhoria e celeridade nos julgamentos nas Turmas Recursais.
some text

Em reunião na Presidência do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI), o Desembargador Hilo de Almeida Sousa, supervisor-geral dos Juizados Especiais Cíveis, Criminais e da Fazenda Pública do Piauí e a magistrada Lisabete Maria Marchetti, presidente das Turmas Recursal Cíveis, Criminais e da Fazenda Pública do Estado do Piauí, apresentaram ao presidente do TJ-PI, Desembargador Oliveira, uma lista de ações visando a melhoria e mais celeridade nos julgamentos nas Turmas Recursais.

Segundo ela, na reunião foi tratado sobre a lotação paradigma e as principais demandas recursais nas Turmas que compõem o Tribunal.

“Atualmente temos cerca de 16 mil processos tramitando e neste sentido, é importante que as equipes sejam fortalecidas com a chegada de novos servidores, magistrados e Juízes Leigos. Tivemos uma boa receptividade pelo presidente Oliveira e acreditamos que a justiça do Piauí tem a ganhar com uma atuação mais célere nas Turmas Recursais, alavancando a prestação dos serviços de justiça”, detalhou a magistrada.

Na reunião também foi ventilada a possibilidade da criação de uma quarta Turma Recursal, já que o TJ-PI conta hoje com três.

Participaram da reunião também o Juiz Auxiliar da Presidência, Juiz Lirton Nogueira Santos; o juiz Dioclécio Sousa; a servidora Magaly de Castro Macêdo Assunção e o servidor Henrique Luis da Silva Neto.

Fonte: TJ-PI

Christiane albuquerque

Veja ainda

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Obrigado por seu contato!
Em breve nossa equipe retornará para você.