Piauí perde 3.693 beneficiários do Bolsa Família

Cerca de R$727 mil deixam de circular no estado com a exclusão de beneficiários.


 Piauí perde 3.693 beneficiários do Bolsa Família
some text

Os impactos da exclusão de 3.693 famílias piauienses do extinto programa Bolsa Família, que agora foi substituído pelo Auxílio Brasil, impacta a economia piauiense em cerca de R$727 mil, levando em consideração o valor médio do benefício de R$197. 

O Auxílio Brasil, que é o sucessor do programa social de distribuição de renda, abraçou 456.704 das 460.297 famílias que antes recebiam o valor. Isto impacta o comércio local, além da qualidade de vida de pessoas em situação de extrema pobreza, fato acentuado pela pandemia do novo coronavírus. 

O vácuo assistencial prejudica principalmente os municípios pequenos do Piauí, que não possuem oportunidades de emprego como os principais centros urbanos. Em todo o Brasil, cerca de 881 mil famílias estão desassistidas, segundo dados enviados pelos governos estaduais. 

Vale lembrar que no dia 15 de outubro os governadores de 18 estados brasileiros e do Distrito Federal realizaram uma audiência após acionarem o Supremo Tribunal Federal (STF) sobre os cortes. O Maranhão perdeu mais de 45 mil famílias do programa assistencial, enquanto que o Rio de Janeiro perdeu mais de 10 mil famílias que também não migraram para o Auxílio Brasil. 

O Auxílio Brasil é o novo programa de distribuição de renda de forma direta e indireta para famílias em situação de extrema pobreza. O programa abrange menos pessoas que o extinto Bolsa Família em diversas regiões. O valor afixado para novembro é de R$217,18.

Fonte: Meio Norte

Portal Piauiês

https://opiauies.com

Veja ainda

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Obrigado por seu contato!
Em breve nossa equipe retornará para você.