Justiça francesa condena Sarkozy por financiamento ilegal de campanha

É a 2ª condenação do ex-presidente francês, que em março foi sentenciado por corrupção e tráfico de influência e é alvo de outras acusações e investigações.


 Justiça francesa condena Sarkozy por financiamento ilegal de campanha
some text

A Justiça da França declarou nesta quinta-feira (30) o ex-presidente Nicolas Sarkozy culpado por financiamento ilegal de campanha, por ter excedido o limite de gastos autorizados nas eleições presidenciais de 2012. A pena ainda não foi divulgada.

A Promotoria pediu um ano de prisão para o ex-presidente, incluindo seis meses em regime fechado, e multa. Foram gastos € 42,8 milhões na eleição de 2012 (cerca de R$ 270 milhões na cotação atual), quase o dobro do limite legal.

É a segunda condenação de Sarkozy, que em março foi sentenciado à prisão por corrupção tráfico de influência. Ele não compareceu ao julgamento.

O político de 66 anos, que governou o país entre 2007 e 2012 e foi derrotado pelo socialista François Hollande, é o primeiro ex-presidente da Quinta República (regime iniciado em 1958) a ser condenado.

Outras 13 pessoas também foram condenadas. "Gostaria que explicassem o que fiz a mais na campanha em 2012 do que 2007", afirmou Sarkozy.

Outros processos

O ex-presidente conservador é réu em outros processos, inclusive pela eleição de 2007, em que é acusado de corrupção passiva e associação criminosa, entre outros delitos, na campanha que o levou ao Palácio de Eliseu.

A Promotoria também o investiga por tráfico de influência e lavagem de dinheiro por suas atividades de consultoria na Rússia.

Fonte: G1

Portal Piauiês

https://opiauies.com

Veja ainda

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Obrigado por seu contato!
Em breve nossa equipe retornará para você.