Alepi comemora 187 anos de fundação hoje (5)

Manoel Pinheiro de Miranda Osório foi o primeiro presidente. 


 Alepi comemora 187 anos de fundação hoje (5)
some text

Há 187 anos era instalada a Assembleia Legislativa Provincial do Piauí na então capital da província, Oeiras. Vinte deputados eleitos, indiretamente, pelas vilas piauienses assumiam o cargo e elegiam Manoel Pinheiro de Miranda Osório como seu primeiro presidente. 

Passados quase dois séculos, o Legislativo do Piauí mudou de cidade, aumentou quantidade de cadeiras em Plenário e se modernizou, aumentando a proximidade com o povo piauiense e estreitando os laços e harmonia entre os Poderes.

“Tudo o que é importante para o Piauí, passa no Poder Legislativo. Todos os projetos importantes, seja do Executivo, seja do Judiciário, do Tribunal de Contas, Ministério Público, projetos de senhores e senhoras deputadas passam pelo crivo dos senhores e senhoras deputadas. Em resumo, em todos os projetos, o único interesse é beneficiar a população do nosso estado”, enaltece o presidente da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), deputado Themístocles Filho (MDB).

A modernização pela qual a Alepi passou nos últimos anos também está marcada em sua história. Em discurso na sessão plenária, Themístocles Filho destacou a criação da Fundação Humberto Reis (Fundalegis), da Escola do Legislativo, da Controladoria, da Ouvidoria, de duas unidades do Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) e da doação de um terreno para o Instituto Federal do Piauí implantar um campus no bairro Dirceu Arcoverde, em Teresina.

O deputado Wilson Brandão (Progressistas) também se pronunciou durante a sessão para enaltecer as gestões de Themístocles Filho por todas essas realizações e elogiou a transparência permitida pela TV e pela Rádio Assembleia.

CARACTERÍSTICAS 

O poder de criar leis e a proximidade dos deputados com a população são características do Legislativo. “Aqui é onde as pessoas são representadas através de seus deputados de todas as regiões do estado, de todos os municípios. Toda repercussão, qualquer problema que tenha no estado, a Assembleia tem um papel importante de ponderar, dialogar e resolver”, ressalta o historiador e coordenador do arquivo da Alepi, Lourival de Carvalho Santos.

Lourival Santos acrescenta que parlamento e democracia andam em conjunto e relembra que a Alepi sofreu em períodos ditatoriais do Brasil. De 1930 a 1945, o Legislativo piauiense foi fechado, e no dia 8 de maio de 1964, poucos dias após a instauração do Regime Militar, os deputados Deusdedit Mendes Ribeiro, Themistocles de Sampaio Pereira, José Alexandre Caldas Rodrigues e Celso Barros Coelho e os suplentes Honorato Gomes Martins, Antônio Ubiratan de Carvalho e José Francisco Paes Landim perderam seus mandatos.

Muitos desses detalhes da história da Alepi estão no livro Cronologia Histórica da Assembleia Legislativa do Piauí, de autoria de Lourival de Carvalho Santos, e que está disponível no site da instituição.

Fonte: Alepi

Samuel Aguiar

Veja ainda

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Obrigado por seu contato!
Em breve nossa equipe retornará para você.